Nos últimos anos, cresceu muito a quantidade de brasileiros procurando alternativas para mudar de país. Os motivos costumam ser a busca por uma melhor qualidade de vida, mais segurança, saúde e oportunidades, além da oportunidade de experimentar uma cultura diferente.

Em meio ao planejamento que é necessário fazer, principalmente se a mudança envolver mais pessoas da família, muitos se questionam sobre como trabalhar fora do Brasil. Afinal, quais lugares proporcionam uma adaptação mais fácil, melhores salários e um custo de vida menor?

Abaixo, mostramos 4 excelentes países para morar e destacamos o porquê de eles fazerem parte dessa lista. É importante ressaltar que, em todos eles, saber falar inglês é imprescindível. Boa leitura!

Onde trabalhar fora do Brasil

1. Austrália

Se você tem domínio do inglês e está se perguntando como trabalhar fora do Brasil, a resposta é: vá para a Austrália. O país é considerado muito acolhedor. Inclusive, no momento de selecionar candidatos, as empresas lá priorizam a qualificação, independentemente da nacionalidade.

Para se ter uma ideia, 4 das 10 maiores corporações do mundo operam em Sydney, sua cidade mais populosa. Ou seja, há sempre novas oportunidades de emprego. Quanto aos salários, eles aumentam conforme o cargo, mas, em média, são tidos como bem altos.

Além disso, se você for estudante de intercâmbio, universitário ou de pós-graduação, as regras locais permitem trabalhar 20h por semana. Assim, é possível aprimorar-se e já ir ampliando o currículo.

2. Canadá

O Canadá tem sido o sonho de consumo de quem busca trabalhar fora do Brasil e ter qualidade de vida. Esse interesse crescente deve-se ao fato de o país oferecer uma série de benefícios quanto à segurança, transporte público e mercado profissional.

Além de proporcionar diversas oportunidades de emprego para quem tem domínio do inglês, o Canadá estimula as pessoas que desejem ter seu próprio negócio, visto que a burocracia é reduzida.

Apesar de o custo de vida ser alto, o salário é considerado bom e suficiente para viver adequadamente e, ainda, conseguir juntar um pouco de dinheiro.

3. Reino Unido

Para quem fala inglês, o Reino Unido é um dos lugares mais fáceis de se trabalhar fora do Brasil. É lá que está localizado o centro financeiro mais importante do mundo, o que indica que há opções diversas de emprego.

Apesar de o custo de vida local ser alto, os salários e a jornada de trabalho são mais justos, permitindo um equilíbrio maior entre vida profissional e pessoal.

Outro grande diferencial do Reino Unido é que, em caso de demissão, o governo auxilia tanto com uma ajuda de custo quanto disponibilizando orientação para encontrar novas vagas e aprimorar o currículo.

4. Singapura

Nos últimos anos, o país vem ganhando muito destaque por ser sede dos principais centros financeiros e portos do mundo, além de ser moradia de muitos milionários. Assim, grandes negócios são realizados lá, o que torna a região ideal para quem está buscando alternativas de trabalho fora do Brasil.

Quanto ao salário médio líquido, ele é classificado como altíssimo, principalmente porque a tributação é baixa. Porém, o custo de vida também é alto, ou seja, ganha-se muito, mas gasta-se bastante.

De forma geral, Singapura oferece uma boa qualidade de vida, o transporte público é eficiente e acessível e, principalmente, as possibilidades de emprego e crescimento profissional são enormes.

--

Quer ter mais informações sobre como trabalhar fora do Brasil? Acompanhe os artigos no blog!