É bastante comum quando uma pessoa está aprendendo uma segunda língua pensar que quanto mais palavras souber, mais fluente ela será e acabar focando em saber o maior número de vocabulário possível. Um bom exemplo disso, é aprender que start significa começar ou iniciar e parar por aí. Entretanto, como sempre dizemos aqui no inFlux Blog, é muito importante ir além disso e aprender os chunks mais comuns usados com determinada palavra. Ou seja, ao invés de aprender uma palavra isolada, podemos estudar as palavras que frequentemente são usadas juntas por nativos da língua e que muitas vezes funcionam de forma diferente ao comparar o inglês e português. Ao aprender através dos chunks, você aprende a pensar em inglês e a evitar mal-entendidos! Mais do que isso, aprender somente palavras soltas, não necessariamente te tornará fluente, uma vez que juntar um monte de palavras soltas e não saber como montar a frase pode te prejudicar na hora de falar. Então, vamos entender como aprender através destes grupos de palavras te ajuda na hora de adquirir fluência?

Antes de mais nada, e para aproveitar melhor o conteúdo, já prepare seu Lexical Notebook, o app gratuito da inFlux, para anotar tudo o que você vai aprender por aqui. Lá, você pode criar seus próprios exemplos, separar por categorias para ficar fácil de achar e, ainda, praticar muito com os flashcards e quizzes porque este é o outro segredo para adquirir fluência: praticar! Com base neste post, crie suas próprias frases, treine bastante e assim, você fixará muito melhor o conteúdo! Agora, vamos aprender um pouco mais sobre a palavra start?

Você deve saber o que esta palavra significa:

to start começar / iniciar


Veja só exemplos de frases bem comuns com start:

Let’s startVamos começar! / Vamos iniciar!

The exam started at 10 a.m. A prova iniciou às 10 da manhã.

The company started a huge advertisement campaign. A empresa começou uma gigantesca campanha publicitária.

I want to enjoy the last weekend before the semester starts. Eu quero desfrutar o último final de semana antes do semestre começar.


Agora, assim como no português, há situações que uma palavra não vai soar bem. Pense na seguinte frase: Inicie o Windows, por favor. Se nós trocássemos por “comece o Windows, por favor”, soa bem? Usar o verbo “iniciar” neste caso é muito mais natural e soa muito melhor para nós brasileiros. Isso porque o nosso cérebro armazenou que com programas de computador, usamos iniciar. Ou seja, aprendemos e gravamos diretamente no cérebro “iniciar o Windows”, “iniciar o Explore”, “iniciar o programa”, etc. 

Esta mesma lógica acontece com inglês, esses grupos de palavras que “combinam” e que o cérebro naturalmente grava juntas, podemos chamar de collocations que é um tipo de chunk. E por que não aprender inglês da mesma forma que você aprendeu português? Por que, ao invés de aprender um monte de palavras soltas, você já não aprende em chunks?

Isso evitará que você faça combinações “estranhas” para um nativo da língua inglesa. Então vamos ver algumas combinações em que usaremos a palavra start?

A primeira situação é quando estamos nos referindo à um motor ou máquinas. Veja a seguir e repare como no português não iremos traduzir ao pé da letra, usaremos uma equivalência:

to start (the engine) ligar (o motor)


Esta é outra vantagem dos chunks, através deles aprendemos a não traduzir ao pé da letra, evitando uma série de desentendimentos. Vamos ver como a usamos? Um exemplo bem simples é na tradicional corrida das 500 milhas de Indianápolis a célebre frase que dá início à corrida:

Ladies and Gentlemen, start your enginesSenhoras e senhores, liguem seus motores.

Ou então a famosa frase de Ru Paul em Ru Paul’s Drag Race:


Saiba que você poderá substituir o “the engine” por outras coisas. Veja outras collocation com start, no mesmo sentido de ligar uma máguina ou motor:

to start the car ligar o carro

to start the printer ligar a impressora

to start the lawnmower ligar o cortador de grama


Vamos ver alguns exemplos em frases com variações?

Start the car and let’s get goingLigue o carro e vamos indo. 

 Press this botton to start the printer. Aperte este botão para ligar a impressora.

I didn't know how to start the lawnmowerEu não sabia como ligar o cortador de gramas.

Ok, fasten your seatbelt and start the carOk, coloque o cinto de segurança e ligue o carro.


Outra combinação com start que poderá mudará sua equivalência no português é a seguinte:

to start a fire fazer fogo / atear fogo / acender o fogo / começar um incêndio / provocar um incêndio


Veja estes exemplos:

They started a fireEles começaram um incêndio.

It's dangerous to let the kids start a fireÉ perigoso deixar as crianças acenderem o fogo.

You must learn how to start a fire without a match. Você precisa aprender a acender um fogo / fazer fogo sem um fósforo.

My dad told me how to start a fireMeu pai me ensinou a como acender um fogo.


E vejamos agora um último uso para start: quando falamos de começar um negócio, abrir uma empresa. Veja:

to start (a business) abrir (um negócio) / começar (um negócio)

Confira os exemplos e como trocamos o que estava entre parênteses para se adaptar a situação que queremos:

I’ll start my company from scratch. Vou começar minha empresa do zero. 

She started her business when she was 26. Ela abriu seu negócio quando tinha 26 anos. 


Viu como aprender vocabulário através dos chunks pode te ajudar na sua busca por fluência? Além de evitar com que você faça traduções literais, você aprenderá a pensar em inglês e quando precisar falar, por exemplo, “abrir uma empresa” automaticamente virá em sua mente a collocation “start a company”.

Agora, você está preparado para o desafio: como você diria “Eu acendi o fogo”?


Resposta: I started the fire. 

Aproveitando este tema, dá só uma olhada nesta música do John Legend do filme La La Land, Start a fire:


E bom, já que falamos bastante sobre start, aguarde um próximo post com collocations com begin mas por enquanto, que tal aproveitar para aprender novos chunks para entender a diferença entre further e farther? Confira:

Você sabe a diferença entre “further” e “farther”?

Até a próxima!