Viajar pode ser uma experiência única e prazerosa, mas se não tivermos alguns cuidados ela pode se tornar também um pesadelo. Ter noções de inglês durante uma viagem internacional – independente do destino – pode te ajudar a evitar algumas gafes ou pior, passar apuro!

#1 – Não faça traduções literais ao entender e falar inglês:

Quando falamos de traduções literais você pode até pensar em alguma situação absurda, como a piada do “tea with me” (“chá” comigo). Mas na verdade nem sempre elas são tão absurdas e podem até mesmo parecer corretas.

Veja três gafes comuns em inglês que você pode evitar!

Como dizer “suco de manga” em inglês
Como dizer “Quero um tamanho P em inglês”
Como dizer “água com gás” em inglês

Mas então não devemos traduzir nunca para o inglês?

Isso é uma dúvida comum para quem quer aprender inglês e existe muita controvérsia. A verdade é que a tradução pode ser uma grande aliada, se utilizada da forma correta.

O que acontece é que quando aprendemos palavras isoladas, listas de palavras e tentamos juntar tudo, é muito comum cometer estes erros.

Para evitar estas gafes é necessário aprender a pensar em inglês. E isso é possível com a ajuda dos chunks - combinações das palavras mais utilizadas por um nativo da língua.

Ao aprender combinações de palavras e o que elas significam, você saberá exatamente como se expressar evitando falhas na comunicação. Veja o exemplo da “água com gás”.

Ao aprender o chunk “sparkling water” você sabe exatamente como traduzir “água com gás” para o inglês e não corre o risco de dizer “water with gas” o que significa água com gasolina!

Então para fugir desses erros ao falar inglês em uma viagem, você precisa aprender “chunks” e anotá-los em seu lexical notebook.

Aprenda a montar o seu Lexical Notebook


#2 – Busque aprender os chunks mais comuns dentro de situações de viagem

Se você pretende fazer uma viagem internacional e está inseguro com seu inglês, uma dica inicial que podemos dar é: foque em aprender chunks comuns dentro de situações de viagem. Pense em quais situações você vai vivenciar: aeroporto, hotel, taxi, uber, você vai pedir informações, vai falar sobre você mesmo. Então, claro: quanto mais contextos você dominar, melhor será sua comunicação.

Busque, então, aprender os chunks (que podem ser frases, pedaços de frases, combinações de palavras) que sejam comuns dentro do contexto que você precisa dominar.

Se você quiser aprender a se comunicar em inglês em uma lanchonete, restaurante, ou até mesmo durante no seu voo, você tem algumas palavras soltas, como estas abaixo:

Eu 

to want querer 

I want eu quero          

to drink beber

um, uma

Coke Coca-cola

Então, você pode até conseguir montar uma frase:

Eu quero beber uma Coca-cola. I want to drink a Coke.

Essa frase até comunica, porém essa não é a forma mais comum de se dizer isso. O chunk correto é:

I’d like to have a coke, please.*

*existem várias formas de se fazer um pedido de comida ou bebida em inglês. Esse é só um deles.

Aqui, mais uma vez batemos na tecla da importância de aprender através de chunks e não ficar fazendo lista de palavras ou ficar estudando regras gramaticais. Você já deve ter percebido que ler em inglês parece mais fácil e é comum ouvirmos “eu até leio em inglês, mas ouvir e falar é meu problema”. É comum ouvirmos também que parece que os nativos “falam tudo junto”. E na verdade, é exatamente isso! Então, quando você estiver estudando os chunks que pode falar dentro de um contexto, como um restaurante, por exemplo, estude também o que provavelmente você irá ouvir. Pois de nada adianta conseguir falar, se você não entender o que está sendo dito.

Em um restaurante, você pode ouvir a pergunta “How many in your party?”. Se você não conhece chunks em inglês, pode focar na palavra “party” e entender “festa”. Porém, o que está sendo perguntado é algo equivalente a “Mesa para quantas pessoas”?

Com a Abordagem Lexical, você aprende vocabulário, gramática e pronúncia tudo junto. Então você aprende que:

How many in your party? = Mesa para quantas pessoas?

Por isso, nossa dica é sempre focar sua atenção aos chunks comuns de cada situai de viagem. Desta forma, você pratica a pronúncia, a fala e a compreensão auditiva através de blocos de palavras, facilitando o entendimento de contrações e sons que normalmente se juntam na hora de falar.

Aprenda mais:

Usando "want to" e "wanna" em inglês
O que significa shoulda, woulda e coulda, em inglês?
Como pedir bebidas em inglês


#3 – Aprenda algumas particularidades do inglês para

Além do conhecimento linguístico, viajar requer preparação para enfrentar situações inusitadas e ter uma viagem mais tranquila possível.

Um dos erros recorrentes de brasileiros em viagens é: em Português a forma que entonamos a frase mostra se estamos sendo simpáticos e gentis. No Brasil, podemos dizer “dá uma licencinha” e só com o tom de voz e a expressão nós compreendemos que a pessoa está sendo educada.

Porém, em inglês, o uso das palavras “please” e “thanks” é primordial. Por isso, memorizar e praticar chunks simples como “Excuse me, please”, “thanks a lot” nos ajuda a não esquecer estas palavrinhas mágicas que vão fazer toda a diferença em como podem te entender e não passar por antipático ou até mesmo grosseiro!

Please.

Thanks.

Excuse me, please.

Thanks a lot.

Resumindo:

Os benefícios de ter conhecimento em inglês durante uma viagem são inúmeros. Mas a forma que você aprende faz toda a diferença.

Imagine a situação: você passando pela imigração, e na hora de responder à pergunta do oficial tentar juntar as palavras na cabeça, pensar nas regrinhas que você aprendeu durante anos de cursos de inglês, qual preposição usar. Ninguém quer gaguejar e começar a suar frio na hora de passar na imigração!

Ou ainda, se você não sentir bem e precisar de ajuda, já pensou que situação precisar montar frases, buscando a informação na cabeça, e não conseguindo pensar?

Se você quer afiar seu inglês e aprender de uma forma dinâmica e eficaz antes de viajar e não correr estes riscos, acesse os demais posts aqui in inFlux Blog com conteúdo gratuito para você aprender mais chunks e ficar ainda melhor no inglês!