Em português algumas expressões podem ser ditas de formas diferentes, como por exemplo a expressão que vamos ver hoje. Se a carapuça serviu, se a carapuça servir, são formas de dizer pra alguém que não era uma indireta, mas que se a pessoa se identificou com a crítica, não podemos fazer nada.
Em inglês, também há mais de uma forma de dizer isso, vamos conferir?

if the shoe fits… (AmE); if the cap fits… (BrE) se a carapuça serviu, se a carapuça servir




A – So, you think I’m a liar. Então você acha que eu sou um mentiroso. 

B – Well, if the cap fits... Bem, se a carapuça serviu...

Nobody said you’re unreliable, but if the shoe fits… Ninguém disse que você não é confiável, mas se a carapuça serviu...

They may not like being called careless, but if the cap fits… Eles podem não gostar de serem chamados de descuidados, mas se a carapuça serviu…

A - Are you calling me a cheater? Você tá me chamando de trapaceiro?

B - Well, if the shoe fits… Bem, se a carapuça serviu…

A – Can you believe she said something about me being in a bad mood? Você acredita que ela disse algo sobre eu estar de mau-humor?

B - Well, if the shoe fits. Bem, se a carapuça serviu.

É possível encontrar também a continuação, no inglês americano (AmE) if the shoe fits, wear it e no inglês britânico (BrE) if the cap fits, wear it, o que seria algo como se a carapuça servir, use-a. Mas é muito comum ocultarmos esta última parte, assim como no português.

É importante atentarmos que esta expressão é informal, usada no inglês falado e geralmente tem uma conotação negativa, é agressiva, portanto, muito cuidado com seu uso!

That is the expression of the day, ttyl (talk to you later), people!